últimas resenhas

Melhores livros que li em 2013


30 de dez de 2013

/
Em clima de fim de ano resolvi fazer um balanço literário. Li bastante esse ano, alguns não lembro, outros não gostei e a maioria ficou no meio-termo. Agora apresento os mais memoráveis, legais, proveitosos, reflexivos:


#1: O nome do Vento, de Patrick Rothfuss: Primeiro livro da Crônica do Matador do Rei, conta a história de Kvothe, protagonista que não se pode a priori determinar sua índole. Todo o universo criado por Rothfuss é excelente. Não vou conseguir expressar como é o livro  nesse breve comentário, mas é ótimo, podem ler sem medo de ser feliz.
#2: Cotoco de John van de Ruit:  Tem até resenha desse livro aqui no blog, é um livro para se distrair, engraçado. Até hoje espero a Intrínseca lançar a continuação, mas tá difícil ¬¬'
#3: O caso dos denunciantes invejosos, de Dimitri Dimoulis: Livrinho de Direito que li por vontade própria e é muito bom, queria ter usado ele em Filosofia do Direito, mas não deu :/. O livro é um debate constitucional sobre o que ser feito com as pessoas que cometeram crime - de denunciar pessoas que agiam contra o governo - durante um regime totalitário. A resposta inicial seria punição certo? Mas ai entra o problema que essas pessoas estavam agindo de acordo com o que era considerado legal à época. O livro é um estudo de caso, com a apresentação de uma solução por diversas pessoas, entre legisladores e juristas.
#4: E não sobrou nenhum, de Agatha Christie: Estava um pouco saturada dos livros da rainha do crime (estava achando-os sempre com o mesmo enredo) e esse livro serviu para minha "recuperação". É um thriller muito bom, sobre um grupo de pessoas, aparentemente sem nenhum conexão, que são levados a uma ilha e um por um vão morrendo. (não é spolier, porque dá para inferir pelo nome do livro...)
#5 Drácula, de Bram Stoker: Livro clássico de terror e de vampiros, já fiz uns comentários sobre o livro nesta postagem aqui. Foi uma bela surpresa, porque o livro estava na minha estante faz um tempinho e nunca tive a vontade de ler, até um belo dia :D
#6 O signo dos quatro, de Sir Arthur Conan Doyle: Engraçado que comprei o box da Zahar de Sherlock Holmes para ler O cão dos Baskervilles (achando que seria top) e acabei gostando mesmo de O signo dos quatro, um mistério sobre um assassinato e um tesouro. Muito bom e é um livro relativamente fino...
#7: A casa de Hades, de Rick Riordan: Quarto livro da série Heróis do Olimpo,também já comentei sobre a obra. Rick Riordan melhorou consideravelmente o nível da escrita e só resta esperar pelo próximo livro ~ que a Intrínseca corre para lançar ( mágoa por Cotoco sim, mas entendo a fome por lucro)
#8: Direito Penal do Equilíbrio, de Rogério Greco: Mais um livro de Direito, dessa vez leitura obrigatória da faculdade, mas foi bem proveitoso para a cadeira de Penal I, porque tira a noção de que o Direito Penal irá resolver todos os problemas da sociedade...não vai. Na obra, Greco propõe a utilização de um sistema penal que puna e ressocialize, encontrando um meio-termo nas teorias estudas e defendidas por parte da sociedade
#9: Memórias Póstumas de Brás Cubas, de Machado de Assis: Já fiz resenha sobre esse livro, foi a primeira obra de Machado que li e é tão legal *-*, me colocaram uma neura no ensino médio que era difícil ler, que nada :)
#10: O projeto Rosie, de Graeme Simsion: Um romance para lista <3. O projeto Rosie é muita fofura. Tem resenha do livro aqui.

Levando para o outro extremo...os livros que li e não gostei: Entre o agora e o nunca, Belo desastre, Química Perfeita (nem li todo), 50 tons de cinza e Heresia (não sei porque coloquei na cabeça que gosto de romance histórico, só to me decepcionando)

E quais foram os livros favoritos de vocês? Em breve promoção envolvendo um dos livros supracitados o/
Falando em promoção...ainda dá tempo de participar da promoção do nosso parceiro, o Li, reli e Gostei, para participar basta seguir as instruções dessa postagem

comentários pelo facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Olá, sinta-se à vontade para comentar, sua opinião é muito importante.
Para comentar usando somente o nome e url basta selecionar a opção no menu suspenso "comentar como".
Volte sempre! ♥
(Os comentários são moderados apenas com a finalidade de evitar palavras de baixo calão e de cunho pejorativo)

 

Hiperatividade Literária © alguns direitos reservados - 2016 :: design e código gabi melo